10 sugestões de vinhos para todos os tipos de mulheres

Escolha o rótulo que mais combina com você! Sim, #jápodebeber

15 de março de 2017 - Por: Angélica Mujahed

Não é porque somos mulheres que bebemos apenas vinhos fraquinhos e espumante moscatel! Estamos dominando cada vez mais esse mundo que, antigamente, era tão masculino (mais uma área conquistada! Ponto das mulheres!)

A maioria de nós está disposta a conhecer novos sabores e a entender todas as nuances da bebida. Por isso, junto com a importadora Porto a Porto, selecionamos 10 vinhos para agradar às diferentes personalidades femininas. E aí, vai uma taça?

Gourmet_Vinhos

O espumante português Messias Bairrada Brut Milésime 2012 (R$54) é excelente para aperitivos ou com peixes e saladas:

Vinhos_Gourmet_Espumante_Messias Milésime Bruto Grand Cuvée 2012 p

 

Gosta de um espumante mais estruturado? A sugestão é o Don Román Rosé (R$56,90), elaborado no coração da Catalunha. A uva Trepat, que cria um vinho rosado, compõe o rótulo. É um vinho elegante, meu bem!

Vinhos_Gourmet_Cava Don Roman Rosé p

Quer um  branco fresco? O português Santola Vinho Verde DOC (R$37,90) é leve, fácil de beber e tem baixo teor alcoólico, apenas 9%:

Vinhos_Gourmet_12004 - Santola Vinho Verde p

 

Falando em mulheres no mundo do vinho, não dá pra deixar de fora o FP Bical e Arinto (R$54,90), um branco assinado pela enóloga Filipa Pato:

Vinhos_Gourmet_FP Bical e Arinto p

 

Já o Régia Colheita (R$ 59), elaborado com as uvas Antão Vaz e Arinto, é um vinho com aromas intensos de frutas e baunilha:

Vinhos_Gourmet_12205 - Régia Colheita DOC p

Recém-lançado no Brasil, o Manon Côtes Provence (R$69,90) é um rosé produzido no Sul da França. Excelente como aperitivo, acompanha as culinárias tailandesa e japonesa:

Vinhos_Gourmet_Manon p2

O tinto espanhol MT Ribera del Duero (R$76) é elaborado com a uva Tempranillo, uma das mais famosas do país ibérico. Ótima companhia para uma tábua de queijos!

Vinhos_Gourmet_MT Ribeira del Duero p

O Côtes du Rhône Masson Dubois (R$61), produzido no Vale do Rhône, na França, tem aromas de frutas frescas e especiarias:

Vinhos_Gourmet_21029 - Cotes du Rhone tto p

Produzido na Sicília, o tinto Due Lune Nerello Mascalese/Nero d’Avola IGT (R$138,90) leva esse nome por que a uva Nero d’Avola é colhida e depois se espera um ciclo lunar para a colheita da Nerello:

Vinhos_Gourmet_11430 - Due Lune Nerello p

Da Argentina, o Nieto Senetiner Pinot Noir (R$39,90) tem aromas de frutas vermelhas frescas e acompanha pratos condimentados:

Vinhos_Gourmet_24114 - Nieto Pinot Noir p

 

 

Onde encontrar em Curitiba:

Família Scopel, Celeiro Municipal e Luigi Pietro.

 

Posts Relacionados

Doce encontro Um almoço com pessoas queridas dificilmente termina com a sobremesa. O papo se estende e com ele chega a segunda fase do seu dia: o café da tarde. Alg...
4 pratos refrescantes para o verão curitibano A gente ama o verão, mas o curitibano não está acostumado com esse calorão que tem feito. Com as altas temperaturas vale apostar em comidas mais leves...
8 novidades gastronômicas para você babar   A cada quinze dias a VIVER Curitiba apresenta os últimos lançamentos em gastronomia na cidade.   Releitura O strogonoff é ...

Viverno digital

Loading...