Os preferidos

31 de outubro de 2012 - Por: Redação

Curitiba é conhecida por sua tradição gastronômica. Na capital do Paraná não faltam opções àqueles que desejam saborear pratos de inspiração nacional e internacional. Mas entre tanta coisa boa é difícil escolher uma só, não é?

O trabalho duro ficou por conta de cinco convidados da VIVER Curitiba: o casal Adriane e Everton Nascimento, Cesar Heli Oliveira, Paulo Roberto Alberti e Rodrigo Alarcón. Antes de você continuar a leitura desta matéria e descobrir quais são os preferidos deste pessoal, aqui vai um conselho: vista o babador, porque todos os pratos são de dar água na boca.

 

ADRIANE E EVERTON NASCIMENTO (proprietários da Nuoro)

“Escolhemos o Risoto de Camarão ao Mediterrâneo do restaurante Duo Cuisine, porque a harmonização dos ingredientes é perfeita e a apresentação do prato é impecável! A primeira vez que o provamos foi há aproximadamente um ano. Já frequentávamos o restaurante e decidimos experimentar o risoto. Quando provamos pratos semelhantes em outros lugares, não é a mesma coisa. Temos uma a nidade com o tempero do Duo, além do ‘ponto’ do risoto ser perfeito! Com certeza, o ambiente ajuda a tornar o momento ainda mais agradável. Normalmente, jantamos no andar superior, em uma mesa com vista para a rua. A iluminação deixa tudo superaconchegante!”

 

DICA VIVER: Com exceção dos alérgicos a ele, são poucos os que dizem não gostar de um camarãozinho. Além de aparecer em risotos, ele pode ser preparado de inúmeras maneiras, como à romana, à milanesa, ao bafo, e por aí vai. Dá para escolher um prato diferente por dia. Nossa dica para quem gosta desta versatilidade com frutos do mar é o restaurante Albatroz. Além do camarão, tem peixes, lulas, mariscos e outras delícias aquáticas.

 

PAULO ROBERTO ALBERTI (sócio da Evviva Bertolini Curitiba)

“É difícil definir um único prato entre tantas opções em Curitiba. Em minha família sempre apreciamos excelentes pratos, tanto em restaurantes quanto os elaborados por minha mãe, com carnes, frutos do mar, entre outras variedades. Enfim, por isto, escolhi o prato Filé Curitibano, servido no restaurante Forneria Copacabana. O mignon macio e suculento preparado com todo o cuidado ao molho de manjericão, juntamente com o ravióli recheado de queijo, formam uma combinação perfeita, complementada com um carpaccio de entrada e uma sobremesa irresistível chamada Taça 2 de Abril: sorvete de creme, suspiros, frutas vermelhas e chantilly. Além de tudo isso, o ambiente é agradável e sofisticado, principalmente quando a noite está estrelada e o clima favorece o uso de mesas externas inseridas no paisagismo impecável. Com certeza, atende às minhas expectativas de um maravilhoso jantar com minha esposa e meu filho.”

 

DICA VIVER: Para quem tem o paladar mais brasileiro, digamos assim, com preferência às carnes e outras variedades servidas durante a refeição, um almoço na churrascaria Batel Grill vem bem a calhar. Engana-se quem pensa que a opção fica apenas no rodízio de carnes nobres. Ele é acompanhado por saladas, sushis, massas e guarnições como polenta frita, arroz branco, banana à milanesa e pastelzinho de carne.

 

CESAR HELI OLIVEIRA (diretor da Magicel Corretora)

“Quando recebi o convite para escrever para a revista VIVER Curitiba sobre o restaurante e o prato que mais gosto, com base em minhas andanças e nos restaurantes que já visitei, fiquei pensando no mais requintado e no prato mais elaborado, mas não saía da minha cabeça uma sobremesa, na verdade, impagável, que sempre quando tenho a oportunidade faz parte de um dos meus prazeres gastronômicos. Pensei, então, em escrever sobre o que me dá prazer: banoffi. Massa de bolacha crocante, doce de leite especial, banana bem tratada e um chantilly na medida certa. Você encontra esta maravilha no Quanto Basta, restaurante que não usa gordura em seus pratos. O chef circula diariamente entre a cozinha e o buffet, mas ele poderia estar à frente de qualquer cozinha internacional, em qualquer lugar do mundo.”

 

DICA VIVER: Apesar das variedades servidas em Curitiba, poucos lugares têm a delícia das delícias, Banoffi . Além do restaurante Quanto Basta, indicado por Cesar, o Café & Confeitaria Bella Banoffi é outra opção para os que querem degustar a sobremesa. O cardápio ainda passa pelos petiscos, como contra-fi lé na mostarda e pimenta verde, e cafés de diversos tipos. Quanto à decoração, é linda! Parece uma casa de vó moderna.

 

RODRIGO ALARCÓN (designer de joias)

“O prato que mais gosto é o Mie Goreng de frango que é servido no bistrô Lagundri. O frescor dos legumes preparados no momento combinado com o peito de frango, a castanha de caju, glass noodles de arroz e a pimenta… A mistura dos ingredientes é de uma leveza e harmonia tão grande que dá ao paladar uma experiência única! Como não tomo bebidas alcoólicas, sempre combino este prato com uma excepcional limonada com toque de gengibre que o pessoal do Lagundri faz muito bem. O serviço é impecável e o restaurante está aberto às segundas-feiras, um dia em que adoro comer fora e evitar a muvuca.”

 

DICA VIVER: O Mie Goreng é um prato típico da Indonésia e da Malásia. Se você gosta da gastronomia asiática, seja ela chinesa ou tailandesa, além da sugerida por Rodrigo, então você gostará do Soto Asian Cuisine. O equilíbrio dos sabores nos pratos servidos, com um toque cítrico e, ao mesmo tempo, picante, traz as delícias da culinária oriental à nossa mesa sem se desligar do exigente paladar ocidental. sotoasian.com.br

Posts Relacionados

Bubble Waffle Cone inaugura 3 lojas em Curitiba Apaixonados por doces: uni-vos! Agora o passeio por três shoppings da cidade vai ficar mais doce. O Curitiba e Palladium receberam as lojas da Bub...
À la Cuba Recentemente passei dez dias fotografando em Havana. Foi uma experiência única, onde conheci pessoas incríveis e aprendi muito da história da ilha emb...
Café com nitrogênio é a novidade da nova Special T... Foto: Thierry Felipe   Quem já conhece a Special Treat Bakery, aberta há cinco anos no bairro Mercês, vai se surpreender (para o bem) com ...

Viverno digital

Loading...