Ganchos ou laser?

8 de fevereiro de 2016 - Por: Redação


Se você pensa que para dizer adeus às varizes é preciso fazer uma cirurgia muito complicada, é melhor repensar. Um dos procedimentos que têm feito a cabeça das mulheres é o EVLT, que se livra das varizes com tecnologia laser. Bem diferente da cirurgia tradicional, o Stripping, método que utiliza pequenos ganchos e um aparato metálico chamado de fleboestrator.

O Stripping traz bons resultados ao paciente, mas a recuperação, além de mais demorada, pode ser acompanhada de dor, hematomas e alguns riscos para a saúde inerentes ao procedimento, como o surgimento de trombose venosa profunda e infecção cirúrgica. Já o EVLT não requer incisões, proporcionando ao paciente uma recuperação rápida e um resultado mais estético. Fácil preferir o laser, não é?

O EVLT utiliza fibras ópticas conectadas a uma máquina de laser. Funciona assim: com uma agulha de punção, tem-se acesso à veia a ser tratada. “Através dela, é introduzida uma fibra ótica em seu interior e, com ajuda do ultrassom vascular, dispara-se o laser no local. Em vez de retirar as veias de grande calibre como se faz na cirurgia tradicional, elas são fechadas por ablação e absorvidas pelo organismo”, explica o cirurgião-vascular Dr. Cristiano Schmitt.

Entrou, saiu

Após o procedimento, o paciente recebe alta no mesmo dia, pode ser feita anestesia local ou peridural, dependendo da gravidade do caso, mas em ambos os casos a paciente já pode ir andando para casa.

Durante a recuperação o ideal é caminhar normalmente e progressivamente desde o primeiro dia, conforme as orientações no momento da alta. A recuperação total dura ao redor de cinco dias. Se a anestesia for geral, a recuperação leva de três a cinco dias. Segundo o cirurgião, essa é a principal técnica utilizada no Angiocentro Curitiba, que realiza esta cirurgia desde 2002 com mais de 3 mil membros inferiores tratados. 

FICHA TÉCNICA

Conheça as principais características das duas técnicas:

Tradicional ou Stripping

Incisão: Sim

Recuperação: Cerca de 30 dias

Riscos: Trombose venosa profunda, infecção cirúrgica entre outros

Laser

Incisão: Não

Recuperação: Cerca de 5 dias

Riscos: Em nossa casuística, nenhuma trombose nem infecção


Viver no digital

Loading...